Alemanha libera pagamentos com moedas virtuais

A partir de agora, quando você estiver na Alemanha, poderá pedir um prato típico – feito de salsicha e salada de batatas – e, na hora de pagar, recorrer aos seus bitcoins sem ter de desembolsar mais por isso. É que o país reconheceu as criptomoedas como meio de pagamento legítimo, isento de qualquer taxa.

Dessa forma, converter bitcoin em uma moeda fiduciária (dólares ou euro, por exemplo) ou vice-versa, é um benefício tributável misto. Pela decisão da União Europeia, essa conversão é classificada como uma “oferta de serviço” e, portanto, a parte que atua como intermediário da troca não deve ser tributada.

Com isso, cria-se uma definição melhor do que deve ser taxado ou não. Os mineradores, por exemplo, não serão tributados por receberem suas recompensas em moedas digitais, uma vez que seus serviços são considerados voluntários, de acordo com documento expedido pelo Ministério das Finanças. Da mesma forma, pessoas que tenham bitcoins e atuem em benefício próprio – como comprar um strudel – receberão uma isenção de impostos. Já as corretoras serão tributadas, pois atuam em nome de terceiros.

Idioma »